sexta-feira, 16 de julho de 2010

Afinal, existe mesmo comida afrodisíaca?!?!

Comer, chupar, morder, são expressões sexuais certo?!
Nem sempre!!!
Você pode comer um chocolate, um risoto...
Chupar uma patinha de lagosta, uma manga...
Morder uma batata ou uma picanha...

Afrodisíaca ou não, boa comida tem efeitos mágicos.
A comida e sexo são uma combinação perfeita.
Antes ou depois...
Durante....
É pessoal e intransferível!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Alimentos estimulantes têm estado presentes na história do mundo,
desde que o mundo é mundo...
E olha, que isso faz tempo!

Boa comida estimula a libido sutilmente, pelos sentidos.
Pode ser porta de entrada de muitas outras sensações...
Comer é altamente sensorial, principalmente se você usar de todos os seus sentidos, cheirar, toca-la (em muitas situações podemos e devemos comer com as mãos), atreva se for capaz!
Os franceses comem muito...
Não engordam, são elegantes e apreciadores de boa comida.
O "muito" a que me refiro aqui é:
Comer muito devagar, muito bem, muito cheiroso,
muito diversificado, muito bonito, muito saborosamente...
Menos "muito" em quantidade.
E quais sensações que esse movimento produz?
Prazer, endorfina, calor...
E aí pode ser um estimulante sexual, intelectual...

A comida é atrativa para o olhar, para o olfato e, claro, para o sabor.
Mas tudo isso não significa que os efeitos serão iguais para todos.
Nem todos os dias...
Um arroz feito num contexto especial com intenções.. Amor.. Cheiro...
Pode ser altamente excitante!
Sem muito mistério, o melhor afrodisíaco mesmo é o amor.
A comida, a companhia, a imaginação, música, iluminação indireta, e muito humor.
Filhos dormindo quentinhos e quietinhos, para quem é pai e mãe é um poderoso excitante...
Fala sério...
Dá para imaginar crianças chamando paiiiiiiii...
Manhêêê...
Alguém foca em mais alguma coisa?!
Eu, não mesmo!




As vezes, a gente tem o direito de ser um pouquinho extravagante.
E comida afrodisíaca é exatamente isso: extravagante.
Uma lagosta em casa, no meio da semana, feita a quatro mãos, é totalmente extravagante!
Comida tem a capacidade de aflorar nossos sentidos e nos levar para fora da rotina,
além do arroz com feijão do dia-a-dia.
Toques de um sabor diferente para aguçar nosso apetite, inclusive o sexual.
Tudo o que é exótico e diferente chama a atenção.
Este é o objetivo.
O aroma sai da cozinha e invade o ambiente,
jantar fora é ótimo e eu amo,
mas só que não conhece o prazer do preparo
pode afirmar que é melhor do que fazer você mesmo ou a quatro mãos.
A decoração da mesa e apresentação do prato completam o clima.
Ou não, eu sempre apostei 100% na decoração,
e em muitas vezes é sim,
só que venho aprendendo que a simplicidade pode ser altamente excitante e empolgante.
Vivendo e aprendendo GRAÇASADEUS!
Tudo culmina no paladar...
numa mesa de jantar os olhares se encontram.
Principalmente se foi você quem preparou a refeição,
tudo se volta para você, que habilmente preparou o banquete.

Adicionar amor, faz com que a refeição seja ainda mais charmosa e atraente.
Você pode esquentar a noite com os temperos e pratos que agradam a você e sua alma gêmea. Porém, nada substitui uma boa quantidade de amor.
Ele é o ingrediente indispensável em qualquer relação.
Afrodite, (comida afrodisíaca vem do nome dela)
deusa do amor, nasceu da espuma do mar,
por isso a crença de que os alimentos que vêm do mar são afrodisíacos.

Beijos extravagantes...
Gisele

4 comentários:

  1. Que bom amiga que voltou a escrever, Gisele sem escrever não existe, que bom voltou a existencia de uma vida criativa e cheia de vigor.Deus te abençõe imensamente, e continue mandando noticias.Bjos.
    Rosana

    ResponderExcluir
  2. Gisele, Gisele, Gisele. Vc é Italiana ou Francesa? Não importa... O importante é que vc trouxe novas interpretações para os nossos 5 sentidos. Na verdade para vcs mulheres são 6 os sentidos, correto? Muito bom humor, malícia e brincadeiras. Grande Jantar este com arroz branco e lagosta. Deve ter sido regrado a um bom vinho branco servido em taças de cristal, acompanhado de muita PAIXÃO, estou certo? Ass: Um Admirador

    ResponderExcluir
  3. Rosana querida
    Eu não só voltei a escrever e a pintar,
    eu voltei a viver.
    Tinha me esquecido do prazer que isso dá.
    Obrigada pelo carinho
    Gi

    ResponderExcluir
  4. Sr Admirador,
    Estranho vc não se identificar.
    Já passaram alguns por aqui, nem todos gentis, não só não respondi, como apaguei.
    Legal essa sua observação sobre aguçar os sentidos. Dou muita importãncia a isso sim.
    Sobre o acompanhamento do jantar...
    Eu não falei do vinho, ou falei e não me lembro?
    Ou vc estava lá???
    kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Obrigada pelo comentário elogioso.
    Quem sabe vc aparece por aqui de novo e se identififica!
    Gi

    ResponderExcluir